Taxa de publicação das apresentações no congresso brasileiro de ortopedia e traumatologia

Objetivo: Avaliar as taxas de publicação do Congresso Brasileiro de Ortopedia (CBOT) de 2007.

Métodos: Avaliação do número de trabalhos enviados pelas diferentes sub-especialidades ortopédicas e pelos estados brasileiros. Em seguida, realização de uma busca nas bases de dados Lilacs e Pubmed com o intuito de encontrar quais trabalhos geraram artigos publicados na literatura nacional e internacional.

Resultados: São Paulo e a região Sudeste foram os responsáveis pelo maior número de apresentações no Congresso (54,1% e 68,3% respectivamente). A sub-especialidade com maior número de trabalhos foi Ombro e Cotovelo (13,8%). Do total de 653 trabalhos no congresso, 174 (26,6%) foram publicados. Apresentações orais obtiveram uma taxa de publicação 3,58 vezes maior que pôsteres.

Conclusões: A taxa de publicação do CBOT encontra-se abaixo dos 30%. Muitos dos trabalhos apresentados no CBOT não passam pelo crivo de revistas científicas e as apresentações deste congresso não devem ser a única forma de atualização científica dos congressistas.

Confira o artigo completo