Duas classificações para hematoma de ferida operatória após artroplastia total do quadril

Objetivo: Determinar a confiabilidade de dois métodos de classificação dos hematomas de ferida cirúrgica após artroplastia total do quadril.

Métodos: Este estudo prospectivo de coorte foi conduzido em pacientes com osteoartrose do quadril submetidos à artroplastia total do quadril entre maio de 2014 e abril de 2015. Foram analisados dados epidemiológicos, cirúrgicos e funcionais. Dois experientes cirurgiões de quadril avaliaram 75 fotografias de feridas obtidas 24 horas após a cirurgia. Ambos os avaliadores analisaram as fotografias duas vezes, em intervalo de seis semanas. A classificação subjetiva consistiu em quatro categorias descrevendo o hematoma: ausente, leve, moderado e grave. A classificação objetiva foi obtida pelo cálculo matemático da área do hematoma, sobrepondo-se uma retícula a cada fotografia de ferida.

Resultados: A classificação subjetiva mostrou concordância intra-avaliador de mais de 70%, enquanto que os valores de kappa mostraram concordância inter-avaliador baixa a moderada. A classificação objetiva baseada em cálculo matemático da área do hematoma foi mais confiável, com excelente concordância intra e inter- avaliador.

Conclusão: A classificação objetiva demonstrou melhor concordância intra e inter-avaliador. Os métodos de classificação usados neste estudo podem ser um instrumento útil para cirurgiões ortopedistas, pesquisadores e profissionais de saúde para avaliar hematomas de feridas cirúrgicas após artroplastia total de quadril.

Confira o artigo completo