Uso de drenos de sucção fechada após prótese total de quadril primária: um estudo prospectivo, randomizado e controlado

Objetivo: Investigar o uso de drenos em uma população controlada de pacientes com osteoartrose do quadril submetidos a prótese total de quadril primária.

Métodos: Este estudo prospectivo controlado avaliou 93 pacientes randomizados em dois grupos: um grupo no qual se usaram drenos e um grupo no qual não se usaram drenos. Os pacientes randomizados para o grupo com drenos usaram dreno de 3,2 mm, colocado sob a fáscia e mantido por 24 horas. As avaliações pós-operatórias foram feitas após 24 horas e três, seis e 12 semanas após a prótese total de quadril. O desfecho primário foi perda sanguínea perioperatória em ambos os grupos 24 horas após a prótese total de quadril. Os demais parâmetros avaliados foram circunferência do meio da coxa, taxa de transfusão de sangue, hematócrito, níveis séricos inflamatórios e Harris Hip Score.

Resultados: Os dados clínicos e laboratoriais não indicaram diferenças entre os grupos de estudo quanto à perda de sangue e necessidade de transfusão de sangue, tempo de internação hospitalar, taxa de reoperação, complicações, marcadores séricos inflamatórios e Harris Hip Score. Os pacientes que não usaram drenos de sucção fechada relataram maiores níveis de dor após 24 horas (EVA 1 vs. 2, p < 0,01).

Conclusão: Encontramos resultados clínicos e laboratoriais semelhantes em ambas as coortes.

Confira o artigo completo